segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Catarinense vence concurso da Nasa ao criar marca que ilustrará missão espacial: 'Realização de um sonho'


Rafael Fontes venceu concurso para marca de missão da Nasa (Foto: Arquivo Pessoal/Rafael Fontes)

Fã de astronomia desde criança, publicitário criou identidade visual de programa que enviará ao espaço uma impressora 3D para reaproveitar materiais.

Apaixonado desde criança pelo mundo dos astronautas, o catarinense Rafael Fontes, de 31 anos, comemora a vitória em um concurso que escolheu a marca para uma missão da Nasa,a agência espacial norte-americana. O publicitário de Barra Velha, no Litoral Norte, criou ao menos 31 projetos até vencer o concurso.

“Participei de três concursos da Nasa até vencer, foram 100 projetos. Para este último, fiz 31 inscrições. Estou muito feliz, é a realização de um sonho”, contou.


Rafael venceu o concurso que escolheu marca de missão da Nasa (Foto: Divulgação)

Reciclagem

Segundo Fontes, os candidatos foram desafiados a criar uma logomarca para uma impressora 3D que será enviada ao espaço.

“Ela poderá reaproveitar materiais, como, por exemplo, uma colher que será convertida em chave de fenda. Por isso, o conceito da marca se baseou na reciclagem. A ideia é reaproveitar materiais e diminuir o tamanho da carga de uma nave. Essa máquina vai para a estação espacial internacional com o objetivo de ser testada para futuras missões espaciais mais longas, como por exemplo, a ida a Marte”, explicou.

Sonho de fã

Ao saber do concurso, Rafael passou a trabalhar noite e dia até fazer um trabalho que julgasse apropriado para participar.

"Desde pequeno, sempre fui fã da Nasa. Quando criança, aos 11 anos, estive no Kennedy Space Center, na Nasa, na Flórida, fiz até uma uma foto lá. Sempre sonhei com essa parte do espaço, meus brinquedos eram desse tema, quando fiquei sabendo do concurso, para mim acabou sendo um objetivo de vida", disse.


No Kennedy Space Center, na Nasa, na Flórida (Foto: Arquivo Pessoal)

A marca criada por Rafael deverá ser a identidade visual do programa espacial, estar em materiais de comunicação como camisetas, canecas e na impressora que irá ao espaço.

"Eu criei um 'patch' em forma triangular, representando, primeiramente, a escotilha de uma cápsula de um foguete, em alusão ao universo da exploração espacial. Em segundo plano, o triângulo diz respeito à ideia de reciclagem. No topo do triângulo, há uma ponta listrada apontada para baixo, que simboliza a ponta de uma impressora 3D. No interior da figura, há uma ilustração de um astronauta fazendo malabarismo com as ferramentas que podem ser refabricadas por meio do equipamento que é objeto deste concurso - o Refabricator", explicou.


Criação de Rafael Fontes venceu o concurso da Nasa (Foto: Arquivo Pessoal)

'Exemplo para minhas filhas'

“Pra mim foi uma honra ter vencido o concurso. O prêmio é simbólico, de US$ 250, mas é o mais importante da minha carreira, pela importância da empresa e por tudo que representa. Espero que sirva de exemplo para minhas filhas, que desperte nelas o interesse pelo conhecimento”, afirmou.

Rafael concorreu com centenas de participantes do mundo inteiro. “Minhas filhas são pequenas, têm dois e três anos, mas espero que um dia vejam minha realização e entendam a importância da determinação e superação para realizar objetivos na vida”, disse.

FONTE: G1.COM

←  ANTERIOR PROXIMA → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

HORA CERTA SITE UNIVERSO

Total de visualizações

Participem Fan Page Facebook

Seguidores

PUBLICIDADE

Tecnologia do Blogger.

Postagens mais visitadas

VISITANTE ONLINE